Students Save 30%! Learn & create with unlimited courses & creative assets Students Save 30%! Save Now
Advertisement
  1. Business
  2. Freelance
Business

Guia do Freelance para Lidar com Dívidas de Forma Responsável

by
Difficulty:IntermediateLength:LongLanguages:
This post is part of a series called Freelance Financial Bootcamp.
A Freelancer's Guide to Effective Budgeting
A Freelancer’s Guide to Insurance

Portuguese (Português) translation by Ingrid Fornazari (you can also view the original English article)

Não há nada de errado em ter dívidas.

Essa é uma declaração um pouco controversa para muitas pessoas. Jornais e websites estão cheios de histórias de horror sobre pessoas que se atolaram em dívidas, e também de histórias inspiradoras sobre pessoas que pagaram todas. Dívidas são frequentemente apresentadas como um fardo terrível, quase como uma doença crônica.

Mas há uma coisa: dívida é uma parte central da economia de hoje. Empresas emprestam dinheiro todo o tempo, usando-o para investir em coisas como, melhores equipamentos e crescimento rápido. Como freelance, você está nos negócios também, então porque você não deve fazer como as grandes companhias fazem?

É claro que dívidas podem ser perigosas. E facas também, mas não significa que nós não as usemos. A chave é saber como lidar com elas.

Então nesse tutorial eu vou ensiná-lo como lidar com o débito de forma responsável. Você aprenderá como conseguir o tipo certo de empréstimo com parcelas que você consegue pagar, e então como pagar seus débitos de forma eficiente. Você vai aprender como evitar alguns erros comuns que as pessoas fazem com suas dívidas. No final, você se sentira menos assustado e mais confiante nas suas habilidades para lidar com débitos sem virar um caos financeiro.

Você pode ainda decidir se quer ficar livre de dívida, é claro que isso é uma escolha válida. Mas pelo menos você estará equipado com algum conhecimento extra de modo que você possa tomar uma decisão informada sobre o que é certo no seu negócio freelancer.

1. Tenha uma Boa Razão

O primeiro passo para lidar com o débito com responsabilidade é emprestar pela razão certa.

As pessoas geralmente ficam com problemas com dívidas porque eles emprestam para cobrir um problema financeiro fundamental. Eles gastam mais do que ganham, então eles não podem pagar as contas, então eles recorrem a cartões de crédito ou outras dívidas para manter as luzes acesas.

Se você gasta mais dinheiro do que ganha, você tem apenas duas escolhas: ganhar mais ou gastar menos. Emprestar para cobrir uma insuficiência apenas permite que você continue com hábitos de negócios insustentáveis, e acrescenta muitos pagamentos de juros aos seus custos já existentes. É um corretivo de curto prazo, mas a longo prazo coloca você em um problema muito maior. 

Então quais são as boas razões para querer emprestar dinheiro? Aqui estão alguns exemplos:

Custos Inciais

Todos os negócios têm custos iniciais, e freelances não são exceção. Porque você não emprega e normalmente não precisa de premissas especiais esses custos são geralmente menores, mas eles existem. Mesmo que seu negócio não precise de um equipamento complexo, você precisará pelo menos de um computador, e provavelmente um software especializado. Um site é um requerimento bem básico também, e isso custa dinheiro.

Certos tipos de freelances podem ter custos iniciais muito maiores com que se preocupar. Se você é um fotografo por exemplo, você pode precisar gastar vários milhares de reais para comprar um câmera de ultimo tipo, flash, luzes e outros equipamentos. Você pode precisar de um estúdio especial, ou um carro para ser capaz de viajar para os eventos. Se você não tem dinheiro guardado, emprestar dinheiro para começar é uma opção.

Equipamento e Manutenção

Eu estou escrevendo isso em um MacBook Air 2011. Como escritor freelance, eu tenho sorte de não precisar de muito mais em termos de equipamento, mas eu sei que se algo de errado acontecer com ele, eu precisarei que seja reparado ou substituído bem rápido.

Uma vez que é uma despesa previsível, o ideal seria guardar um dinheiro em meu fundo de emergência (veja meu tutorial de orçamento para informações sobre isso). Mas se eu não tenho dinheiro suficiente guardado, dívida seria uma alternativa melhor do que sair dos negócios.

Educação e Treinamento

Como freelances, a coisa fundamental que vendemos é nosso conhecimento. E qualquer que seja o campo em que você está, você pode apostar que pelo menos algum dos conhecimentos que você tem agora estará obsoleto em alguns anos. Nós temos que estar atualizados; o melhoramento constante é a condição para fazer negócios.

Felizmente há muita informação grátis na internet, mas às vezes você também precisa investir em seu próprio futuro. Em alguns campos, você precisa de uma qualificação particular, ou tê-la pode ajudar a conseguir mais negócios.

Nesse caso, emprestar dinheiro para investir em aumentar suas habilidades pode ser uma escolha sensata. É claro que você ainda precisa fazer isso certo, e nós vamos cobrir isso nas próximas seções.

2. Quanto Você Pode Pagar?

Frequentemente quando as pessoas estão procurando por empréstimo elas perguntam, "Quanto eu posso emprestar?" Essa é a pergunta errada a se fazer. Isso põe o ônus no banco para determinar quais são suas necessidades financeiras. Se eles te deixarem emprestar $20.000, você empresta $20.000. Não deve ser uma surpresa saber que deixar outra pessoa tomar suas decisões financeiras é uma má ideia.

Em vez disso, a pergunta correta antes de tocar qualquer forma de dívida é "Quanto eu posso dispor para emprestar? A razão porque muitas pessoas não se fazem essa pergunta é porque é bem difícil trabalhar numa resposta precisa. Então nessa seção, eu vou mostrar a você como fazer isso.

Conheça seu Orçamento

Antes de se candidatar a um empréstimo, você precisa de segurar firme sua situação financeira. Os ganhos de um freelance podem flutuar, mas você precisa saber sua média de ganhos mensais, e ter uma imagem realista e precisa da sua média de despesas mensais.

Se você não sabe esses números, eu digo a você exatamente como consegui-los no meu Guia do Freelance para Orçamento Eficaz. É importante observar que suas "despesas" precisam incluir não apenas o dinheiro que você gasta todo mês, mas tudo, incluindo o dinheiro que você reserva para impostos futuros ou outros itens maiores, e dinheiro que você usa para fazer pagamentos dos débitos já existentes.

Vamos dizer que você tenha um orçamento claro, que seus números são os seguintes:

  • Ganho mensal: $2.000
  • Despesas mensais: $1.750

Nesse caso, você tem $250,00 disponível para fazer pagamentos mensais sem estourar seu orçamento. Mas quanto dinheiro você consegue emprestar com isso.

A resposta depende dos termos do empréstimo (quantos meses ou anos você vai levar para pagar o dinheiro) e a taxa de juros. Você pode jogar com diferentes cenários colocando números na calculadora de empréstimos do Bankrate.com.

Usando a calculadora, você pode ver que se você emprestar $10.000 por 5 anos a 10% juros, o pagamento mensal será de $212,47 que você pode pagar. Mas troque o prazo para 2 anos, e os pagamentos sobem para $461,45, o que rapidamente o colocará em mais dívidas. Então, ajuste os números baseados nas suas necessidades e baseado no tipo de termos do empréstimo que você acha que pode conseguir.

Faça Ajustes Cuidadosos

O cenário acima é ótimo, mas é claro que muitos de nós não tem $250 extra, sobrando no final de cada mês. Então, e se você não tem dinheiro suficiente sobrando para fazer os pagamentos do empréstimo que você precisa?

Então você precisa fazer um ajuste no seu orçamento. A primeira coisa que você precisa fazer é olhar para suas despesas, e ver se há algum corte que você pode fazer. A coisa mais importante é ser realista: não planeje cortar toda a sua verba de entretenimento, por exemplo, e se depois você será incapaz de seguir com isso mais adiante.

Outra opção é encontrar maneiras de ganhar mais dinheiro. Pode ser tão simples como procurar outros empregos, ou pedir mais trabalho aos seus clientes, ou aumentar suas taxas

Se você espera que seus ganhos aumentas como resultado do investimento que você fez, por exemplo, se você está comprando um equipamento ou fazendo um curso que vai te deixar apto a conseguir mais clientes, então você pode orçar um ganho maior no futuro, mas seja cuidadoso sobre fazer suposições. Otimismo geralmente é um bom traço para freelances, mas quando você está fazendo um orçamento futuro, é melhor assumir o pior. É melhor ser muito cauteloso do que pegar um empréstimo que você não pode pagar.

3. Escolha o Tipo Certo de Dívida

Se você quer emprestar dinheiro, há muitas opções diferentes. Escolher o tipo certo de empréstimo é muito importante, por isso aqui está um guia simples para  alguns dos principais tipos de empréstimo, e seus prós e contras:

 Família e Amigos

Emprestar dinheiro não precisa envolver bancos e pagar taxas de juros caras. Se você tem amigos ou membros da família que podem te emprestar dinheiro, essa é um a ótima opção. O lado ruim é que se as coisas derem errado e você não conseguir pagá-los no tempo certo, você pode arruinar uma boa relação. Ou se eles sofrerem uma crise financeira e precisarem do dinheiro antes do esperado? Há uma boa razão para dizer que dinheiro e amigos não combinam.

Cartões de Crédito

Essa é talvez, a maneira mais simples de emprestar dinheiro. Você provavelmente já tem um, e se não tem, é muito fácil conseguir um em muitos países. O cartão de crédito te dá bastante flexibilidade para  emprestar o quanto você precisa e pagar conforme você pode. Mas as taxas de juros podem ser muito altas, e é muito fácil o uso de cartões de crédito te seduzirem a emprestar mais do que você pode pagar.

Linhas de Crédito

Essas são semelhantes aos cartões de crédito, nelas você tem acesso a uma certa quantia de dinheiro, e paga juros sobre quaisquer fundos que usar. Elas são mais difíceis de obter do que cartões de crédito, entretanto, as taxas para utilização de linhas de crédito podem algumas vezes serem mais altas.

Empréstimos a Longo Prazo

Ao contrário dos cartões de crédito e linhas de crédito "abertas", empréstimos a longo prazo são por um período fixo, e normalmente tem taxas fixas de juros e cronogramas de pagamento. Isso significa que você sabe exatamente onde você está entrando, mas eles não são tão flexíveis quanto cartões de crédito ou linhas de crédito. Os empréstimos a longo prazo, às vezes, podem ter como garantia em um bem particular, como um carro, significando que se você não pagar o empréstimo, você perde seu carro. Empréstimos sem garantia também estão disponíveis.

Empréstimo Entre Pares

Essa é uma opção mais recente. A ideia é que você escape dos bancos e empreste de outras pessoas que se inscrevem num site como credores. Como exemplos podem ser Prosper e Lending Club no USA., e Zopa no UK. As taxas podem ser menores do que nos bancos, embora isso dependa da sua taxa de crédito e dos termos do empréstimo, então ainda  procure bem pelas melhores propostas.

Empréstimos Consignados

Estes são empréstimos de curto prazo, desenvolvidos para conseguir um fluxo de caixa rápido em uma crise. As taxas podem ser muito altas, de modo que geralmente é melhor evitar esses empréstimos a menos que você não tenha outra opção.

4. Consiga o Melhor Acordo

Quando você decidir que tipo de empréstimo você quer, é hora de pesquisar o que está em oferta. É claro que as taxas e termos podem variar muito, então é importante ter certeza que você consiga o melhor negócio.

Uma coisa importante de se ter em mente é que os termos que são oferecidos a você dependem em grande parte de sua classificação de crédito. Então tenha certeza de assegurar que você fique em dia com todas as suas obrigações existentes. Fazendo isso, você pode estar apto a conseguir uma taxa menor de juros para empréstimos futuros.

Verifique também seu relatório de crédito, se possível, tenha certeza de que ele é exato, um estudo de 2013 descobriu que 40 milhões de Americanos tem erros em seus relatórios de crédito. No USA você pode conseguir relatórios de crédito de graça no AnnualCreditReport.com.

Também tenha certeza de que suas finanças e registros sejam profissionais. Se você está indo ao banco para um empréstimo, eles podem querer ver alguns detalhes sobre seus ganhos e despesas, e o melhor é ser o mais profissional possível. Se você consegue mostrar uma métrica convincente, precisa e detalhada, retroativa a vários anos, você dará a qualquer credor muito mais confiança na sua habilidade de pagar o empréstimo, e podem te oferecer melhores termos como resultado.

Uma a vez que você tenha tudo esquematizado, é sempre bom pesquisar ao seu redor pelo melhor acordo. Olhe diferentes fornecedores e até mesmo verifique diferentes opções do mesmo fornecedor. Sites de comparação como MoneySupermarket (no UK) podem ajudar a encontrar os melhores negócios, procure por sites semelhantes no seu país.

5. Gerenciando os Pagamentos

Escolher um empréstimo com responsabilidade é uma grande parte da história, mas lidar com a dívida de forma responsável também envolve pagar o mais rápido e efetivamente que puder.

Você precisa trabalhar cuidadosamente seu orçamento, colocando uma prioridade alta em fazer os pagamentos necessários do seu empréstimo, e alocando mais dinheiro quando disponível para pagar antecipado. Aqui estão algumas estratégias que podem ajudar:

Priorizar

Se você tem vários empréstimos diferentes, faça uma lista pela ordem de taxa de juros, com as taxas maiores no topo, e foque sua energia em pagar os empréstimos com taxa mais alta primeiro, enquanto pague apenas o mínimo dos empréstimos com taxas menores. Para mais detalhes sobre esse processo, e como encaixar o pagamento das dívidas com suas outras metas financeiras, veja Seção 2 do meu tutorial sobre Poupança e investimento para freelances.

Negocie

Você pegou no telefone para perguntar ao seu banco ou empresa de cartão de crédito sobre uma taxa melhor? É uma estratégia ignorada, e nem sempre funciona, mas algumas vezes você pode conseguir termos melhores simplesmente perguntando. Esse artigo tem algumas boas dicas sobre negociação de sucesso.

Transferir

Se a negociação não funcionar, outra opção é simplesmente procurar por um fornecedor com melhores taxas, e transferir seu saldo. Isso funciona bem especialmente com cartões de crédito. Tenha certeza de que você esteja por dentro das coisas, e não acabe com taxas ainda mais altas depois que a oferta generosa introdutória acabar.

Consolide (Com Cuidado)

Você pode as vezes consolidar vários empréstimos diferentes em um único com uma taxa de juros mais baixa. Você precisa ter cuidado, todavia, porque algumas empresas de consolidação de débitos simplesmente cobram encargos altos, e podem tornar sua situação pior.

Há também empréstimos de consolidação de débito legítimos oferecidos por bancos e cooperativas de crédito, mas, mesmo assim, faça as contas para ter certeza de que você está realmente melhorando sua situação. Consolidar pode ter desvantagens potenciais.

Conclusão

Se lidar com isso de maneira ruim, o débito pode arruinar sua carreira como freelancer, sobrecarregando você com encargos desnecessários e pagamentos de juros, e em casos extremos mesmo deixando você fora dos negócios.

Mas se você emprestar com sabedoria, e usar esse débito para investir no seu negócio freelancer, adquirindo equipamentos ou habilidades que você teria que esperar anos para conseguir, você estará poupando.

Os pontos chave são emprestar dinheiro pelas razões certas, ter uma ideia clara de quanto você pode dispor para emprestar, escolher o tipo certo de empréstimo nos melhores termos possíveis, e administrar os pagamentos de forma inteligente.

Se você fizer tudo isso, usando as estratégias que nós cobrimos nesse tutorial, então você não precisa ter medo de entrar numa dívida. Você pode ver isso como outra estratégia financeira disponível para você como freelance, e você pode ter confiança em sua habilidade para lidar com isso de maneira responsável.

Recursos

Crédito do Gráfico: ícone de Cartão de Crédito desenvolvido por Martha Ormiston para o Noun Project.

Advertisement
Advertisement
Looking for something to help kick start your next project?
Envato Market has a range of items for sale to help get you started.