Unlimited PowerPoint templates, graphics, videos & courses! Unlimited asset downloads! From $16.50/m
Advertisement
  1. Business
  2. Small Business

Como criar um Pequeno Negócio Rentável (Da tua Paixão)

by
Difficulty:BeginnerLength:LongLanguages:

Portuguese (Português) translation by Sara Portela (you can also view the original English article)

Segue a tua paixão!

É um grito de guerra popular entre os orientadores profissionais e gurus de auto-ajuda. Mas como se pode realmente fazê-lo? Se tens a sorte de ser aficionado em dizer aos demais para seguir a sua paixão, o modelo de negócio é bastante claro. Mas, e se a tua paixão é menos fácil de converter em dinheiro, como:

  • arte
  • escritura
  • artesanato em madeira
  • música

Nesse caso, é bem mais difícil criar um negócio da tua paixão. Mas não é impossível. Há gente que o faz o tempo todo. Só é preciso trabalhar um pouco para descobrir como identificar um mercado no qual se possa ser rentável.

What role does passion play in making a profitable small business
Qual é o papel duma paixão na criação de um pequeno negócio rentável? (gráfico fonte)

Neste tutorial, vamos aprender a fazê-lo. Começamos por ver o que significa uma paixão (hobby) num contexto de negócio, porquê é importante e como se pode identificar se não se tem a certeza. Em seguida veremos os detalhes necessários para convertir essa paixão num modelo de negócio viável.

1. Que é Paixão?

Ouve-se muito esta palavra, mas o que significa num contexto de negócio?

E se te interessa algo que não é fácil de converter em algo rentável? Ou, e se, por outro lado, estás numa indústria pela qual é difícil ser apaixonado, como manufacturar um componente pequeno de um processo industrial?

Definir Paixão

Alguma da confusão sobre o conceito de paixão, vem dado pelas suas múltiplas definições. No meu dicionário, a primeira definição de "paixão" é:

Emoção forte e quase descontrolada

Isto não é do que estamos aqui a falar. O dicionário segue com definições sobre romance e isso definitivamente não é do que estamos aqui a falar.

O tipo de paixão que estamos a falar num negócio é a seguinte definição:

Algo que desperta grande entusiasmo

Isto é o que estamos à procura: algo pelo qual sentes entusiamo.

Paixão por Diferentes Áreas de Negócio

Têm em mente que o teu negócio não precisa ser necessariamente algo que gostas en si mesmos - se bem que isso ajuda. Poderia ser simplesmente ver uma oportunidade de fazer algo e ter a motivação e determinação de fazê-lo bem.

Por exemplo, Richard Branson comentou sobre o lançamento de Virgin Money:

"A nossa equipa viu uma grande oportunidade na reformulação do serviço ao cliente no negócio bancário. Eu não sou apaixonado pelo negócio bancário, mas o serviço ao cliente é algo que me interessa.

Portanto a tua paixão pode ser algum elemento de um negócio ou uma forma em particular de fazer negócio, e não necessariamente um produto en si mesmo.

2. Porquê a Paixão é Importante?

Então porquê o termo "paixão" está tão limitado na orientação profissional? Não é suficiente encontrar uma boa ideia de negócio?

Bem, talvez. Podes criar um negócio numa área que não te interessa, e ser bem sucedido com trabalho duro e força de vontade. Mas sentir paixão pele que se faz torna tudo mais fácil. Este é o porquê:

Gerir um Pequeno Negócio é um Trabalho Duro

Se queres uma vida fácil, não comeces um pequeno negócio.

Claro que é possível que sejas tremendamente bem sucedido, vendas o teu negócio por uns quantos biliões, e te retires para Monte Carlo. Mas isso não suceda com frequencia.

O que normalmente sucede é, especialmente no princípio, vais andar curto de dinheiro, investirás todas as horas que passas acordado ao teu negócio, passarás todas as horas que dormes preocupado também, e ter um equilíbrio entre vida pessoal e trabalho vai pender constantemente mais para o trabalho.

Entre outras coisas, provavelmente vais precisar de:

  • juntar dinheiro
  • desenhar produtos
  • fazer prospecñão de mercado
  • criar uma marca
  • criar uma página web
  • desenhar a página web
  • solucionar problemas da página web
  • redesenhar a página web
  • promover-te
  • fazer a enfadonha contabilidade
  • lidar com uma montanha de burocracia
  • e muito mais

Tenta fazer tudo isso sem sentir nada de paixão pelo que fazes e vê até onde chegas. A maioria dos emprendedores passaram por tempos duros, tempos em que nada parecia funcionar e o êxito parecia fora de alcance. A paixão pode ajudar a seguir em frente onde outros já teriam desistido.

A Necessidade de Inspirar os Demais

Ser bem sucedido nos negócios não consiste só em manter-se motivado: também é preciso motivar e inspirar outros.

Quando o teu negócio crescer e for necessário contratar os primeiros empregados, será necessário inspira-los com a tua paixão e visão de negócio. Também todos os demais desde clientes até fornecedores precisam ver essa paixão.

Se tens dúvidas sobre a importância disto, dá uma vista de olhos a algum discurso de um emprendedor bem sucedido, tal como as apresentações da Apple dadas por Steve Jobs ou praticamente qualquer uma das conversas TED.

Notarás imediatamente que estas pessoas estão apaixonadas pelo que fazem. Elas acreditam nisso 100%. Pensam que é incrívelmente importante, e querem nos fazer acreditar também.

É bem difícil fingir este tipo de paixão. Se queres ser bem sucedido num mercado competitivo, tens que ser um evangelista do teu negócio. Não podes esperar que os outros acreditem na importância da tua ideia, se tu mesmo não acreditas firmemente.

Resumindo, paixão não só te ajudará a continuar nos tempos difíceis, mas também pode convencer outras pessoas para te ajudar no caminho.

3. Como Encontrar a Tua Paixão

Se já tens uma paixão e já sabes exactamente que tipo de negócio queres começar, podes saltar directamente para a Secção 4. Se ainda não tens a certeza, continua a ler.

Afinal, para muitos de nós, encontra a nossa paixão pode ser a parte difícil. Talvez queiras arriscar com algo novo mas não sentes paixão por nada em particular. Alguns de nós passamos tanto tempo ignorando os nossos desejos que pode ser difícil trazê-los à tona outra vez. E para outros podemos sentir que a nossa verdadeira paixão é "impraticável" e desistimos.

Assim que, aqui estão alguns exercícios para ajudar a identificar o que é que te faz sentir entusiasmo. Também pode ajudar se já tens um negócio mas falta-te a paixão -  talvez precises refocalizar-te ou até mudar a direcção do teu negócio para algo que realmente te interesse.

Questões que te has de Propôr a Ti Mesmo

Simplesmente perguntando-te o que te apaixona não produz uma resposta clara, experimenta com algumas destas perguntas para te ajudar a fazer um brainstorm.

  1. O que gostavas de fazer quando eras criança?
  2. Que sonhavas fazer secretamente quando crescesses?
  3. Que aspectos de teu emprego actual ou da tua vida te dão maior prazer?
  4. O farias se não tivesses que ser sempre tão responsável?
  5. Que conselho te darias a ti próprio com 18 anos? Que caminho escolherias se voltasses a ter essa idade?
  6. Quando chegares aos 80 anos de idade e olhares para trás, o que gostarias de ser capaz de dizer sobre isso?
  7. Parabéns! Ganhaste a lotaria, e nunca mais precisas te preocupar com o dinheiro novamente. O que você farias da tua vida neste cenário?
  8. Que é o que te deixa furioso?
  9. Que mudarias se tivesses o poder de fazer o que quisesses?
  10. Há algo que te frustra como cliente de outras empresas? Existe alguma coisa que achas que poderias fazer melhor, ou poderia resolver um problema?
  11. Quais são as atividades que embora não realizes muitas vezes, sempre disfrutas quando o fazes?
  12. Aponta cinco coisas loucas que gostarias de tentar fazer um dia.
  13. Que pensas que terias feitos da tua vida, se tivesses tido a infância perfeita, o início perfeito na vida?
  14. Qual é o teu maior arrependimento?
  15. Com quê tendes a imaginar, sonhar ou fantasiar?
  16. O que gostarias de tentar, se não parecesse tão louco?
  17. O que farias se não tivesse que fazê-lo com perfeição?
  18. De quem sente inveja e por quê?

Pega num diário ou caderno e escreve as respostas a todas estas perguntas. Podes ter muitas respostas diferentes, mas tenta detectar alguma repetição ou alguns temas gerais que podem indicar a direção correcta. Trata-se de descobrir o que gostas de fazer ou sonhas secretamente fazer.

Paixões Múltiplas ou Sem Paixões?

É interessante notar que nem todo mundo tem uma única paixão. Podes estar apaixonado por várias coisas, e se for o caso, não tens necessariamente que reduzi-los a apenas um. Na verdade, é bem possível para combinar diferentes paixões no negócio que queiras criar.

Se, por outro lado, ainda não encontraste nenhuma paixão, é possível que estejas a ser demasiado restritivo. Lembra-te, que não tens de sentir emoções incontroláveis senão sentimentos de entusiasmo ou grande interesse.

4. Transformar a Tua Paixão num Negócio Rentável

Então já entendes o que é paixão e porquê é importante, e você identificaste a tua paixão na vida. Agora como vais transformá-la num negócio?

Refina a Tua Ideia

Começa por criar uma ideia de negócio. Identificar a tua paixão não significa que tens uma ideia para um negócio ainda.

Talvez tens uma paixão por tecidos coloridos, por exemplo. Isso é ótimo, mas não é um negócio. Mas a criação de um site para permitir que os clientes ao redor do mundo possam comprar tapetes artesanais diretamente de artesãos no norte de África seria uma ideia de negócio sólido.

O que estamos aqui à procura é de algo específico, talvez possas resolver um problema ou há algo possas fazer melhor do que as empresas que existem atualmente no mercado. Para saber mais sobre refinar uma ideia, consulta os seguintes tutoriais:

Trabalhar os Detalhes

Depois de refinada a ideia, precisas pesquisar mais para certificar-te de que é viável. Faz perguntas como:

  • Quais são os clientes-alvo do teu negócio?
  • Como estão a ser servidos actualmente estes clientes?
  • Como podes servi-los melhor?
  • Quanto investimento vais precisar para começar, e onde vais consegui-lo?
  • Que produtos ou serviços vais oferecer?
  • Qual é a tua estratégia para alcançar clientes e vender para eles?

Esta é uma grande área, e podes encontrar muita ajuda e conselhos nestes tutoriais para planificar e criar um modelo de negócio:

Criar uma Marca, Arrecadar Fundos e Preparar-se para o Lançamento

No meu tutorial Como Começar um Negócio, eu explico mais sobre todos passos para passar de uma ideia a uma companhia em funcionamento.

Aprenderás sobre como criar uma marca, escolher uma estrutura legal, reunir fundos, criar e testar o primeiro produto, preparar as contas financeiras, espalhar a palavra e mais.

5. É a Paixão o Suficiente?

Vimos neste tutorial que a paixão é importante para começar um pequeno negócio. Mas é suficiente?

Outras Habilidades que Precisas

Em suma, a paixão é meio caminho andado, mas vais precisar também de outras habilidades — ou será necessário contratar empregados ou terceirizar o trabalho para conseguir essas habilidades. Por exemplo:

  • Necessitarás fazer a contabilidade ou contratar alguém que o faça.
  • Necessitarás disciplina e um sistema de produtividade para manter-te organizado e em pleno funcionamento.
  • Precisas de ser capaz de planear efectivamente e responsabilizar-te desses planos.
  • É preciso ter um entendimento do mercado, um talento para vendas e marketing, habilidades de apresentação e muito mais.

E se Não Tens Todas Essas Habilidades?

Claro que todo mundo tem pontos fortes e fracos. Não há problema se algum dos pontos mencionados na lista não são pontos fortes. O importante é saber no que se é bom e o que não é, e procurar ajuda nas áreas onde se é mais fraco.

Por exemplo, se os números te dão dor de cabeça, provavelmente devas considerar a contratação de um contabilista. Ou se o trabalho técnico é frustrante, talvez precises encontrar alguém para projetar a tua página web.

Poderias considerar usar um mercado de freelancers como Envato Studio, onde se pode encontrar muitos especialistas para te ajudar com tudo, desde a criação de uma página web, a elaboração de um logotipo ou criando videos explicativos.

Envato Studio web design services
Novos serviços de web design Envato Studio.

Conhece-te a Ti Mesmo

Em resumo, a paixão é uma grande ajuda quando começar um negócio, mas paixão por si só não é suficiente para ter êxito. É preciso outras habilidades, e é fundamental saber o que pode se fazer e o que não, de modo que a poder contratar serviços ou empregados para completar essas lacunas.

Para mais ajuda na análise de si mesmo e descobrir o que é preciso fazer para executar um negócio com êxito, consulta estes dois tutoriais:

Conclusão

Começamos com uma simples frase: "Segue a tua paixão."

Como se viu neste tutorial, iniciar um pequeno negócio rentável está longe de ser simples. No entanto, se se leva as coisas passo a passo e de forma metódica, certamente é possível ser bem sucedido. E começar esse negócio com base numa verdadeira paixão será mais fácil para se sentir entusiasmado e motivado sobre o que fazer e para inspirar outros a seguir-te e apoiar-te.

Agora serás capaz de identificar atua paixão e tomar as medidas necessárias para convertê-la numa ideia de negócio sólida e, finalmente, num negócio bem sucedido. Vimos o que paixão é, por que é importante e como se pode encontrar a própria paixão. E demos uma orientação sobre o que é necessário para transformar a paixão num negócio rentável.

Advertisement
Advertisement
Advertisement
Advertisement
Looking for something to help kick start your next project?
Envato Market has a range of items for sale to help get you started.