Unlimited WordPress themes, graphics, videos & courses! Unlimited asset downloads! From $16.50/m
Advertisement
  1. Business
  2. Web Design
Business

Como Aplicar o Redesign de um Site em 10 Passos Fáceis

by
Difficulty:IntermediateLength:MediumLanguages:
This post is part of a series called How to Redesign Your Website Effectively (Ultimate Guide).
10 Top Reasons Why Your Website Needs a Redesign Now
10 Website Redesign Tips for Better Results in 2017

Portuguese (Português) translation by Sidnei Silva (you can also view the original English article)

Para microempreendedores e freelancers, redesenhar seu site pode ser um projeto tanto excitante quanto enorme. A carga de trabalho pode ser pesada, mas, com planejamento estratégico, seu novo site pode ter a aparência atualizada e crescer com seu negócio.

No artigo anterior desta série, cobrimos o seguinte: 

  • Revisar o desempenho do design de seu site atual,
  • definir o papel de seu site em seu negócio,
  • determinar os objetivos de seu negócio no futuro próximo e
  • esboçar suas expectativas sobre o processo de design e o designer com quem você vai trabalhar (se tiver algum).

Para a próxima etapa do seu projeto de redesenho, é hora de focar em criar o novo design. Vamos começar.

10 Passos Fáceis para Refazer Bem o Design de seu Site (Plano de Projeto em Lista)

A lista abaixo pode servir como um guia para o processo de redesenho de seu site e de determinar seu público-alvo a testar e lançar seu novo site. Seguindo esta lista e preenchendo a Lista do Projeto de Redesenho do Site (PDF Gratuito para Download), seu projeto de redesign será mais fácil de gerenciar e realizar. 

Website Redesign Project - Checklist Free PDF Download
Lista do Projeto de Redesenho do Site (PDF Gratuito para Download)

1. Salve Conteúdo Importante

Para sites com mídias importantes, como informes governamentais, vídeos e outros arquivos essenciais a seu negócio, certifique-se de fazer uma cópia de segurança para que permaneçam disponíveis após o redesign. Claro, fazer um backup do site inteiro é crucial mesmo se você não for reutilizar tudo. 

Se você revisou as métricas de referência de seu design atual no exercício anterior, é hora de dar o próximo passo. Use essas métricas para encontrar os componentes essenciais de seu site. Eles podem ser as páginas dos produtos com mais vendas, lead pages com as conversões mais altas, ou páginas com os conteúdos mais visitados e compartilhados.  Liste esses componentes com os melhores desempenhos para que você encontre maneiras de maximizá-los em seu redesign.

2. Determine Seu Público-Alvo

Em seguida, defina seu público-alvo. Isto é especialmente importante se você não fez isso em seu design original.  Se seu negócio atende uma audiência diversa, planeje uma “jornada do consumidor” separada para cada segmento, se necessário. Aqui estão alguns tutoriais para lhe guiar por esse processo:

3. Análise da Concorrência

Não se esqueça de fazer uma breve análise dos sites de seus concorrentes diretos e de negócios similares. Repare no seguinte:

  • Aparência geral. Que cores seus concorrentes tendem a escolher? Que tipo de fontes eles usam (casual, formal, manuscrita)? Que imagens são predominantemente exibidas?
  • Áreas com Problemas. Passe pelo diferente menu de itens dos sites deles e anote as coisas que frustram você.  As páginas demoram demais para carregar? É difícil encontrar informações sobre o produto e o preço? Essas são coisas para você evitar em seu próprio site.
  • Boas Ideias. Há coisas que o site deles faz bem? Quais elementos você gostaria de implementar no próprio site? Tenha cuidado para não imitar diretamente o texto, imagens e código - você não quer plagiar seu concorrente.

Se você quiser fazer uma análise mais profunda, considere as dicas nos seguintes guias: 

4. Determine Sua Meta de KPI

No tutorial anterior, você listou os objetivos de seu negócio para o futuro próximo. E então, você determinou como o design de seu novo site poderia contribuir para esses objetivos. 

Para esta sessão de definição de metas, você precisará ser mais específico. Determine metas para todos os indicadores-chave de desempenho (KPI) de seu site.  De quantos visitantes você precisa? Qual é o índice de conversão ideal? Para sites com recursos de eCommerce, qual é o índice de abandono do carrinho de compras? 

Se essas são metas em que você precisa trabalhar, determine objetivos razoáveis a curto prazo para o período de um mês do lançamento de seu novo design. E então, estabeleça metas estendidas que você precise alcançar dentro dos primeiros três meses do lançamento, dos primeiros seis meses e do primeiro ano. Desta forma, você terá postagens de meta razoáveis e um plano a longo prazo para como alcançar cada uma delas. 

Para uma cartilha sobre KPIs, mergulhe neste tutorial útil:

5. Planeje Componentes Chaves

Após dar uma olhada nos sites de seus competidores e determinar metas para seu próprio site, considere os tipos de recursos que precisará para alcançar esses objetivos. Se você não tem muitos conhecimentos técnicos, não precisa saber as especificações, mas aqui estão alguns componentes comuns na maioria dos sites de pequenos negócios: 

  • Um carrinho de compras online,
  • um blog, 
  • landing pages, 
  • um funil de vendas integrado,
  • elementos multimídia (vídeos, animação, etc.),
  • formulários online, 
  • integração com mídias sociais, 
  • formulários de inscrição em newsletters via email e 
  • recursos de segurança do site.

Enquanto você pode adicionar algumas especificidades nos componentes - como permitir que os clientes usem códigos de desconto em seu carrinho de compras ou ter uma calculadora de preços prática que permita que os clientes calculem potenciais taxas do projeto - pelo menos saiba se seu site precisa de algum dos itens acima.

6. Determine Seu Orçamento

Agora que os seus objetivos e os componentes que você precisa estão claros, é hora de determinar um orçamento. As seguintes decisões terão um efeito em quanto você espera gastar em seu redesign: 

  • Abordagem. Você contratará um designer ou fará tudo sozinho? Se seguir a abordagem Faça Você Mesmo, você vai escrever o código do zero, usar um criador de sites drag and drop, ou usar temas de sites profissionais?  Você também pode decidir fazer um pouco de tudo - pegar um template pré-existente e chamar um designer ou desenvolvedor para fazer as mudanças que você precisa. 
  • Tamanho. Quantas páginas seu site tem? O número de diferentes tipos de páginas pode afetar também o seu orçamento.  Por exemplo, você pode ter páginas de produtos, landing pages e páginas de conteúdo. Todos estes diferentes tipos podem precisar de seus próprios templates ou designs. 
  • Back End. Você vai precisar de um aplicativo para executar seu site? Pode ser um app de blogs, um sistema de gerenciamento de conteúdo ou uma plataforma de eCommerce.  Você usará um pré-existente ou terá um feito sob medida para seu negócio? Se usar software pré-existente, quanta customização será necessária?
  • Componentes Adicionais. Você pode decidir que quer alguma animação em seu site, ou pode querer que os usuários avaliem seus produtos, ou então estabelecer um programa de referência online.  Estes e outros aditivos podem ajudar seu negócio a crescer ou melhorar a experiência dos usuários.

Já que seu orçamento depende de diversas decisões, peça que seu designer te dê diferentes custos estimados se está preocupado que o site que precisa é maior do que pode pagar. Você pode pedir por um preço simples para fazer o básico, um preço médio para incluir alguns adicionais e o valor completo.

Um ótimo template do WordPress pode ajudar a manter os custos baixos e ainda entregar um site profissional e altamente customizável. Aqui está nossa seleção dos melhores:

7. Planeje Seus Marcos Principais

Os tipos de componentes que você quer em seu site e a quantidade de customização que você vai precisar não afetam apenas seu orçamento, mas também seu cronograma. Baseando-se em todos os componentes acima, despesas e tarefas, qual é o cronograma de seu projeto? 

Não se esqueça de planejar também tempo para testes, revisões e solução de problemas. Se você fará um grande lançamento com seu novo design, planeje suas tarefas de marketing também. 

Se precisar de ajuda para criar um cronograma do projeto para o redesenho do seu site, veja este tutorial para criar planos usando planilhas:

8. Crie Seu Primeiro Design Viável

Finalmente é a hora de pôr a mão na massa. Independente de você estar fazendo o design sozinho, selecionando um template pronto, ou trabalhando com um designer, estes são os elementos que você precisa prestar atenção: 

  • Branding. O branding de seu design é a aparência e a sensação geral do seu site e a impressão que usuários têm como resultado.  Seu branding também ajuda a diferenciar você de seus concorrentes, não importa o quão similar seus negócios e produtos possam ser. Você pode encontrar uma cartilha sobre branding e como ele se relaciona ao visual neste guia
  • Marketing. Este é o aspecto promocional de seu site. Como seu design ajuda a promover sua marca, seus produtos e serviços?  Como o design comunica a seu público alvo que eles estão no site certo? Considere também como você pode usar seu novo design para atrair clientes em potencial. 
  • Vendas. O aspecto de vendas de seu design é especialmente importante se seus clientes podem pagar por seus produtos e serviços diretamente em seu site.  Você vai precisar usar seu design para conseguir altas taxas de conversão, maximizar o valor do pedido e manter clientes.
  • Técnico. Usualmente, o aspecto técnico de seu site fica nos bastidores e está mais nas mãos de um desenvolvedor que de um designer.  Isto se refere a quão bem seu site está rodando, os aplicativos e as especificações exigidas para executá-lo e sua segurança. 

O tanto de atenção você vai dedicar a cada um dos elementos acima vai depender inteiramente de seus objetivos.

9. Otimize Seu Site

Quando a aparência geral de seu site estiver completa, faça alguns pequenos ajustes que facilitem que ele seja encontrado por consumidores em potencial. Geralmente, você estará otimizando seu site para mídias sociais e mecanismos de busca. 

Quando otimizar seu site para compartilhamentos, confira seu código fonte e templates das páginas. Descubra se seu site possui as meta tags corretas para compartilhamento sem amarras. 

Se você estiver dependendo de referências do Facebook, confira se está usando as tags Open Graph corretas. Isto vai garantir que os thumbnails, títulos e descrições apareçam devidamente quando alguém compartilhar um link de seu site no Facebook. 

Outras redes sociais têm suas próprias exigências. Twitter usa suas próprias Card tags e o LinkedIn tem uma lista de especificações de imagens

Além disso, se o branding e a imagem de seu negócio vão mudar de alguma forma, você pode precisar fazer algum trabalho adicional criando novas imagens para seus perfis nas redes sociais. Este tutorial pode te ajudar a ajustar suas contas existentes para combinar com o novo design de seu site.

10. Teste e Revise

É hora de tirar seu novo design da caixa e testar em usuários reais. A maioria dos pequenos negócios pulam isso, mas é crucial ter um site sem erros no lançamento.  Você poderá focar no marketing durante o lançamento, em vez de consertar os pequenos problemas que estão fadados a aparecer. 

Para testes iniciais, pergunte a empregados, amigos ou familiares para ajudar a apontar os bugs mais óbvios. Quanto mais próximos eles estiverem de seu público alvo, melhor.  Eles podem te dar muito palpite desnecessário na estética, então foque em seus comentários sobre a usabilidade.

Você também pode conduzir testes mais minuciosos usando consumidores reais. Vá atrás de seus melhores clientes que desejem testar o site para você. Você pode oferecer um desconto ou outras vantagens em troca de seu feedback. 

Durante todos esses testes, não dependa apenas de seus comentários. Veja as estatísticas e como eles usam o site.  Se você usa Google Analytics, dê atenção especial à parte de sua dashboard chamada “Behaviour Flow”. Você também pode usar ferramentas de mapa de calor como Crazy Egg e Sumo Heat Maps para ver como usuários clicam e dão scroll em seu site. 

Example of a heat map on a small business website
Exemplo de um mapa de calor em um site de pequeno negócio.

Baseado nestes testes, você pode fazer as revisões necessárias para limpar erros e otimizar a usabilidade de seu site.

Lance o Novo Design de Seu Site

Quando terminar os itens acima de sua lista, você está pronto para o lançamento! 

Lembre-se: Não precisa ser perfeito. O processo de redesenho de seu site não está necessariamente completo durante o dia de lançamento. Em muitos casos, você fará algumas mudanças posteriores baseadas no feedback e comportamento dos usuários.

Pelos próximos um ou dois anos, não deixe seu redesign estagnar. Revise seu site regularmente para ver como está seu desempenho e que melhorias você pode fazer.  Desta forma, seu redesign se tornará um componente importante do marketing que evolui e cresce com seu negócio.

Advertisement
Advertisement
Advertisement
Advertisement
Looking for something to help kick start your next project?
Envato Market has a range of items for sale to help get you started.