Advertisement
  1. Business
  2. Blog
Business

Como Iniciar um Blog para o Seu Negócio

by
Difficulty:BeginnerLength:LongLanguages:

Portuguese (Português) translation by Ingrid Fornazari (you can also view the original English article)

Conforme nós vimos no meu tutorial recente "O que é Marketing de Conteúdo?", o marketing de conteúdo pode ser uma ótima maneira de atrair mais clientes potenciais para o seu negócio. E um elemento chave do marketing de conteúdo é ter um blog popular da companhia.

Nesse tutorial eu vou mostrar a você exatamente, como criar um blog que vai elevar seu perfil, aumentar sua credibilidade, e atrair novos clientes para ajudar o seu negócio a crescer.

Nós vamos começar, cobrindo o be-a-bá de começar um blog: qual plataforma usar, como configurar o blog, e como fazer ele parecer profissional.

Então eu vou mostrar a você alguns exemplos dos blogs de companhias que funcionam bem, de modo que você possa aprender com eles como criar seu próprio blog. Depois disso, eu vou passar por como escolher o ângulo para seu blog e chegar a uma estratégia de conteúdo.

Ao final desse tutorial, você estará pronto para cria um blog de negócios que educa e entretém os leitores, trazendo levas de tráfego para o seu site, e ajudando você a alcançar mais clientes.

Start a business blog
Blogging (grafico)

1. Como Iniciar um Blog

Quando se trata da criação de um blog, você tem muitas opções.

No Seu Site v. Externo

Uma opção é o blog exclusivamente numa plataforma terceira, tal como Medium.com, LinkedIn, ou mesmo sua página no Facebook.

A vantagem de fazer dessa forma é que são fáceis e grátis para configurar, e esses sites já tem muitos visitantes, então talvez você seja capaz de conseguir algum tráfego se seus artigos chamarem a atenção das pessoas.

Mas o lado ruim é que você está sujeito as limitações desses sites (onde as regras podem mudar a qualquer momento), e também é difícil converter esses leitores em clientes, o que, no final das contas, é a meta definitiva desse exercício. Você tem que depender deles clicando através do site para encontrar mais sobre você.

Se você cria um blog no seu próprio website, por outro lado, tudo está sob controle. Você pode configurar conforme quiser, e qualquer tráfego que você receber estará aumentado o perfil do seu site, e de ninguém mais. Você também pode converter mais facilmente seus visitantes em clientes uma vez que eles já estão em seu site.

Então eu recomento criar o blog no seu próprio site e usar a mídia social para promoção (mais sobre isso abaixo).

Qual Plataforma?

O WordPress é a plataforma mais popular de blog, provendo um em cada quatro sites, mas não é a única opção. Há outras como Blogger, Tumblr, Ghost, e mais. Algumas delas fornecem hospedagem como parte do pacote, enquanto outras fornecem apenas o software, e você tem que hospedar o blog por você mesmo.

Se você já tem um site, você já deve usar uma dessas plataformas, nesse caso faz sentindo usar a mesma para o blog. Se você tem alguma outra para criar seu site, confira com eles como foi configurado e se tem como incluir um blog dentro do seu site.

Faça Parecer Profissional

Esse blog representa seu negócio para novos clientes em potencial, então você vai querer parecer tão profissional quanto os seus cartões, brochuras ou sinalização.

Enquanto a maioria das plataformas tem temas grátis bastante úteis (ex.: no Diretório de Temas do WordPress), você pode conseguir mais recursos e melhores designs escolhendo um tema premium. Você pode encontrar temas premium para o WordPress, Ghost, Tumblr e outras plataformas de blogs no Envato Market.

WordPress themes on Envato Market
Temas do WordPress Populares no Envato Market

2. Leia Blogs de Companhias que Funcionam

Antes de seguir em frente e escrever sua primeira postagem, vale a pena tirar um tempo para pensar sobre o que você está fazendo, porquê você está fazendo isso, e como você pode fazer isso melhor.

Um bom primeiro passo é ler o blog de outras companhias. Por todos os meios verifique outras empresas em seu ramo de atuação, mas também olhe adiante e tenha mais ideias gerais. Aqui estão algumas interessantes:

Marriott on the Move

A cadeia de hotéis Marriott oferece algo diferente da maioria dos blogs corporativos: um blog bem pessoas, estilo diário escrito por seu presidente de 84 anos de idade, o próprio Bill Marriott. Ele escreveu uma postagem popular de Dia das Mães ano passado, por exemplo, Lembrando da Minha Mãe no Dia das Mães.

O Que Você Pode Aprender: Blogs de companhias são geralmente impessoais, mas os leitores respondem bem a histórias pessoais, contadas numa voz amigável.

Marriott on the Move

Blog Oficial do Google

Uma regra geral entre blogs de empresas é não escrever muito sobre seus próprios produtos. Mas essa é a regra que o Google quebra, com vários novos avisos sobre, por exemplo, um novo recurso de álbum de fotos para o Google Fotos, ou um app de pintura de realidade virtual. Mas isso os torna atraentes, e incluem outros tipos de postagens também.

O Que Você Pode Aprender: Anúncios de novos produtos podem ser populares, se os produtos forem interessantes o suficiente, e se os anúncios forem quebrados por histórias mais pessoais, de bastidores. Além disso, uma estética minimalista funciona bem.

CE-BLOG

Uma empresa química não é um grande candidato a blog interessante, mas a Celanese tem, seus funcionários escrevem post interessantes sobre temas com grande apelo, da falta de moradia até a diversidade no local de trabalho.

O Que Você Pode Aprender: Mesmo se você não pensa que está em um ramo de atuação inerentemente "legal" ou interessante, você pode criar um blog que as pessoas queiram ler.

Celanese blog

Zillow Porchlight

A empresa de informação imobiliária Zillow fornece um material útil sobre "Como Fazer" em seu blog, mas também coloca postagens sobre casas à venda por celebridades como Uma Thurman, Wes Craven, e Britney Spears. Esses são alguns títulos muito amigos de cliques.

O Que Você Pode Aprender: Se você encontrar um ângulo para o seu negócio que toque em assuntos bem populares como celebridades, TV ou esportes, não tenha medo de explorá-lo.

Zillow Porchlight

The Home Depot Blog

As pessoas vão até a Home Depot para comprar produtos para seus projetos de renovação da casa, então o assunto natural do blog seria dar as pessoas informações uteis sobre como completar esses projetos.

O Que Você Pode Aprender: Esse é um bom exemplo de uma abordagem clássica de marketing: Ensinar as pessoas como usar os produtos que você vende.

Home Depot Blog

3. Escolha Seu Ângulo

Conforme você pode ver a partir desses exemplos, cada blog tem um ângulo particular. Pode misturar diferentes tipos de conteúdo, mas com uma abordagem geral e se ater a isso.

Então, enquanto planeja seu blog, pense sobre a abordagem que você planeja escolher. Você vai ensinar as pessoas a como usar os produtos que você vende? Contar histórias pessoais sobre suas experiências como dono de empresa? Convidar seus empregados ou mesmos clientes para contar suas próprias histórias? Cobrir novidades e tendências em seu ramo de atuação?

Pense também sobre o nome para o seu blog. Algumas empresas apenas colocam "O Blog [Nome da Empresa]", o que está bom, mas um nome separado como Zillow Porchlight ou Marriott on the Move cria uma identidade mais forte.

Quais são suas metas para esse blog? Você está tentando aumentar o tráfego para o seu site, conseguir pessoas que assinem sua lista de email, conseguir que pessoas se tornem clientes ou simplesmente aumentar no todo seu perfil e credibilidade?

Qual é a audiência alvo? Isso é semelhante ao mercado alvo já existente para o seu negócio como um todo, mas pode ser diferente, se, por exemplo, você está tentando expandir sua base e atrair clientes mais jovens, ou clientes mais saudáveis, ou mais mulheres em um mercado tradicionalmente dominado por homens, etc. Todas essas coisas afetam o tipo de conteúdo que você cria.

Enquanto você está chegando ao seu ângulo, lembre-se de seguir os seguintes pontos chave:

  • Defina sua audiência alvo claramente, visualizando seu cliente ideal como uma única pessoa com seu ou sua própria personalidade, esperanças sonhos e frustrações, e escreva como se você estive falando diretamente com aquela pessoa.
  • Forneça informação que seu cliente alvo vai achar útil e/ou interessante.
  • Não seja muito vendedor ou auto promocional, ninguém vai curtir, compartilhar ou comentar sobre algo que soa como um comunicado de impressa.
  • Seu nicho precisa ser pequeno o suficiente para que o blog tenha um foco claro, mas grande o suficiente para permitir que você tenha novas postagens regularmente pelos próximos anos.
  • Histórias funcionam bem em blogs, mas apenas se elas forem interessantes e tiverem alguma relevância para um público mais amplo (e se eles não parecerem como testemunhos efusivos de clientes para sua companhia).
  • Considere diferentes tipos de conteúdo além das postagens escritas, - videos, podcasts, imagens e infográficos são boas estratégias, tanto para o blog como um todo ou como conteúdo extra para misturar com o texto.

4. Crie uma Estratégia de Conteúdo

Agora que você criou seu blog, e tem uma noção do que funciona, e decidiu seu próprio ângulo, é hora de criar uma estratégia de conteúdo para o seu blog.

O que isso significa? Pense nisso como uma visão e um plano para o seu blog. Isso começa com a figura de seu cliente ideal que você definiu no último passo. Dê a pessoa um nome e um rosto, e descreva ele ou ela com o máximo de detalhes que puder. Pense sobre o quê essa pessoa quer conhecer, e quais os problemas que ele ou ela quer superar, e como você pode ajudar.

Então crie uma lista de palavras chave que essa pessoa possa procurar online, e use as palavras chaves para informar as postagens que você escreve. A meta não é acumular palavras chave nas suas postagens unicamente para propósitos de SEO, mas escrever conteúdos sobre assuntos que seu público alvo vai buscar, descobrir, apreciar e compartilhar.

O plano que você criar para o seu blog deve caber em sua estratégia geral de marketing. Para saber mais, veja as postagens abaixo:

Agora pense na frequência das postagens. É claro que é bom escrever frequentemente, mas escrever conteúdo pode ser um consumidor de tempo, e é melhor escrever uma ótima postagem uma vez por mês do que jogar conteúdo de enchimento lá todo dia. Seja realista, e crie um cronograma que você possa seguir.

É claro, que você não tem que escrever todos as postagens você mesmo. Você pode designar um membro da equipe para ser responsável pelo blog, ou ter vários empregados que contribuem com suas próprias postagens. Você pode até convidar contribuições de fora da empresa. Se você pretende colar postagens de diversos autores, veja o tutorial abaixo sobre o processo a seguir:

Outra opção é terceirizar a criação de conteúdo a um freelancer, mas seja cuidadoso com que você escolhe. Lembre-se que sua reputação está em risco aqui, e você precisa contratar alguém de confiança. Um bom lugar para encontrar alguém confiável, freelancer com experiência é na seção Content & Writing do Envato Studio.

Uma vez que você tenha os tópicos e escolhido o autor, é hora de criar um calendário editorial. Se estiver usando o WordPress, o Plugin do Calendário Editorial grátis é útil. Por outro lado, uma simples planilha, ou qualquer outro app com que esteja familiarizado está bom.

Tente Planejar seu conteúdo para vários meses a frente. Isso parece muito, mas vale a pena ficar à frente - a última coisa que você quer quando tem um blog é ficar um tempo sem postar e procurando desesperadamente por ideias. O plano de longo alcance deve ter bastante espaço para ajustes para contabilizar eventos atuais - é bom para um blog estar atualizado, mas também é bom ter algum conteúdo alternativo planejado. Também procure por eventos sazonais ou dias comemorativos que podem dar um bom ângulo para uma postagem.

Pense em alguns recursos regulares que ajudarão a dar estrutura ao seu conteúdo. Por exemplo, se você posta no blog uma vez por semana, talvez uma de seus encaixes mensais possa ser uma entrevista com um líder da indústria, o segundo pode ser um tópico, postagem de notícia, o terceiro pode ser um video mostrando algum aspecto interno da sua empresa, e o quarto pode ser um conselho ou um artigo tipo "Como Fazer".

Isso é só um exemplo, é claro - sua estratégia de conteúdo própria pode ser bem diferente. O ponto é planejar seu conteúdo bem a frente, de modo que você possa ter uma direção clara e o material ser bem pensado, baseado na personalidade e interesses de seu cliente ideal.

Próximos Passos

Então é assim que começamos um blog de negócios. Você viu como configurar, como fazer alguma pesquisa e escolher o ângulo que vai interessar as pessoas, e como criar um conteúdo de estratégia e calendário editorial.

O próximo passo, é claro, é começar a criar conteúdo. Fique atento ao plano, e tente agendar as postagens à frente de modo que você não tenha nenhum furo. Lembre-se também de deixar tempo para se engajar com leitores e responder a quaisquer comentários que receber. Um dos benefícios de um blog de companhia é fazer seu negócio parecer acessível. e você perde esse benefício se você ignora os comentários que entram no seu caminho.

É também importante promover as postagens tanto quanto puder nas mídias sociais, como parte do conteúdo geral do plano de marketing. Tendo imagens ou videos engajados e um bom cabeçalho vai te ajudar muito com isso. É bom também se você puder aprender a pegar elementos da postagem que vão atrair a atenção ou gerar conversações na mídia social. Tente formular uma pergunta.

Para mais dicas sobre como começar um blog de empresa, confira alguns outros tutoriais na nossa categoria blog no Envato Tuts+, como:


Advertisement
Advertisement
Looking for something to help kick start your next project?
Envato Market has a range of items for sale to help get you started.