Unlimited Powerpoint templates, graphics, videos & courses! Unlimited asset downloads! From $16.50/m
Advertisement
  1. Business
  2. Careers

Como Adicionar Valor à Sua Empresa & Contribuir como o Seu Time

by
Difficulty:BeginnerLength:LongLanguages:

Portuguese (Português) translation by André Victor Ribeiro Amaral (you can also view the original English article)

Todo mundo quer ter um aumento ou promoção, mas são raros os empregados que se perguntam: "O que posso oferecer de diferencial para a empresa?". O que eles não sabem é que, saber como adicionar valor à empresa não qual você trabalha, é o primeiro passo para ter um aumento ou promoção.

Empresas são bem sucedidas, em parte, porque elas contratam, treinam e retêm empregados que adicionam valor à organização.

how to add value
Saber como adicionar valor à empresa na qual você trabalha é o primeiro passo para conseguir um aumento ou promoção. (Fonte da Imagem: Envato Elements)

Mesmo que a descrição das suas atividades de trabalho se pareçam mais com uma lista de coisas a fazer, essas tarefas existem como parte do processo de se atingir um objetivo maior. E a forma que você executa essas atividades afeta o retorno-sobre-investimento que o seu empregador fez em você.

Empregados que sabem como adicionar valor aos seus trabalhos tendem a ter salários mais altos, participar de projetos mais interessantes e ter melhores oportunidades. As empresas valorizam tanto esse tipo de pessoa que eles vão fazer de tudo para manter esse empregado - mesmo em momentos de recessão ou fusão, por exemplo.

Nesse tutorial, nós vamos explorar o conceito de adicionar valor à empresa. Eu vou identificar sete maneiras diferentes através das quais você pode somar à sua companhia. Além disso, eu vou dar alguns exemplos de como fazer isso na vida real.

Desmascarando o Mito de Adicionar Valor à Empresa

Eu trabalhei meio expediente como professor de matemática e ciências na época de colégio. Como eu só podia dar aulas por uma ou duas horas nos dias que eu tinha que ir a escola, eu fiz horas extras nos finais de semana e verão para ganhar mais.

Essa foi a primeira vez que eu entendi o que é necessário para ganhar mais: mais horas trabalhadas significa, em geral, mais dinheiro.

Eu apliquei o mesmo conceito quando eu comecei a trabalhar com atendimento ao consumidor. Mas, a partir daí, eu comecei a me preocupar, também, com o que era necessário para passar desse nível inicial para um supervisor ou gerente de operações. Alguns dos meus colegas de trabalho estavam nas mesmas posições por anos; então, se eu quisesse subir, não poderia adotar a mesma estratégia que eles.

Muitos empregados levam a sua vida profissional igualando os anos de trabalho que eles têm ao valor que eles entregam. O mundo corporativo não funciona assim.

Por exemplo, um gerente poderia passar dois anos fazendo um bom trabalho na área de compras a fim de não esgotar o estoque de material de escritório. Ou essa mesma pessoa poderia, junto com seus empregados, encontrar maneiras de negociar com os vendedores/fornecedores, comprando em grande quantidade para economizar, ou criando um programa de compartilhamento de materiais entre equipes para que a área de compras não fique presa a um único departamento da empresa - enquanto outras áreas sofrem com falta de material.

Algumas dessas estratégias podem não estar na sua descrição de tarefas a serem cumpridas. Você precisa ser proativo e criativo - para surgir com ideias como essas. Esse tipo de esforço extra faz com que o empregador economize milhares de dólares anualmente. É assim que você acrescenta valor a uma empresa.

Agora você pode estar pensando que isso vai além dos seus limites. Isso pode (ou não) ser verdade, dependendo da cultura da organização. Mas se você tiver bons resultados, tenha a certeza de ninguém irá reclamar.

Atendendo Expectativas e Pré-requisitos para Adicionar Valor à Empresa 

A primeira pergunta que você tem que fazer é "O que posso oferecer de diferencial para a empresa?". Na realidade, existe uma pergunta diferente que deve vir primeiro:

Você está atendendo às expectativas ou requisitos mínimos para a sua posição?

Uma pesquisa da Gallup revelou que quase 50% dos funcionários não sabem o que seus gerentes esperam deles. Além disso, eles, em alguns casos, nem tem uma descrição de tarefas que devem ser realizadas. E em outros casos, quando existe, a descrição de atividades está ultrapassada - enquanto outras tarefas pelas quais você é responsável nem está na lista. Isso pode lhe causar alguma confusão.

Se você não tem 100% de certeza sobre o que esperam de você, você deve conversar com o seu gerente primeiro - antes de tentar adicionar valor ao seu trabalho. Peça seu chefe para enumerar as tarefas que você, regularmente, tem que cumprir - além de como essas atividades impactam a empresa.

Se o seu gerente também está confuso sobre o seu papel na empresa, é mais importante ainda que você passe por todos esses pontos. Juntos, vocês podem definir os principais objetivos associados ao seu trabalho - assim como as métricas que você precisa atingir para que você, de forma objetiva, possa dizer que atendeu (ou superou) às expectativas.

7 Maneiras Diferentes através das quais os Empregados podem Adicionar Valor à Empresa

Não é difícil adicionar valor à empresa na qual você trabalha se você sabe o que fazer. Aqui estão sete ações específicas que você pode tomar - independente de qual é o seu trabalho atual:

1. Bom Atendimento ao Cliente

Clientes são criaturas de hábitos. Eles compram o mesmo shampoo, comem a mesma comida, e usam os mesmos produtos e serviços que eles já adoram - até que outra empresa surja e ofereça a eles algo melhor.

Um bom atendimento ao cliente não se trata somente de atender às necessidades dos clientes. Você vai querer ter certeza que seus clientes estão satisfeitos com a qualidade do serviço que você está prestando - para que eles não queiram experimentar outra marca.

2. Traga Mais Dinheiro

Somar alguns milhares (ou zeros a mais) à receita do seu empregador é uma das melhores e mais óbvias maneiras de adicionar valor à sua empresa.

Essa tarefa é fácil para pessoas que trabalham com vendas e marketing, mas e se você está do departamento de TI, na administração, no treinamento, ou no atendimento ao cliente? Como você pode contribuir com o time?

Primeiro, determine o impacto que você pode causar, dividindo a receita da empresa pelo número de funcionários que ela tem. Para aumentar a sua contribuição média, empregados que não estão na função de vendas podem:

  • Atendimento ao cliente - venda produtos mais caros para os cliente já existentes
  • Treinamento - treine o serviço de atendimento ao cliente, e os auxilie com novas técnicas de vendas.
  • Cargos Administrativos - tenha a certeza de que todos tem os materiais que eles precisam (folhetos, amostras de produtos, etc.) para impressionar os potenciais clientes.

3. Melhore a Eficiência de algum Protocolo ou Procedimento

Só porque algo está funcionando, isso não significa que não possa ser melhorado. Isso se aplica a quase qualquer rotina ou tarefa repetitiva.

Exemplos:

  • Reportes mensais
  • Apresentação para os clientes
  • Minutos de reunião
  • Cotações de preços
  • Contratos
  • Faturamento e cobrança
  • Gerenciamento de estoque

Qualquer coisa que possa ser simplificada em uma série de tarefas pode ser automatizada. Mesmo tarefas manuais podem ser simplificadas se você examinar o processo cuidadosamente e eliminar passos desnecessários.

Tenha cuidado, entretanto, para não automatizar ou cortar coisas que não devem ser modificadas. Você não vai querer tomar atalhos que te levariam a mais problemas no futuro.

4. Economize Recursos

No exemplo de administração de materiais de escritório citado acima, ajudar seu empregador a economizar recursos pode ser extremamente valioso para a empresa.

Mas não é somente sobre dinheiro. Completar seu trabalho dentro do prazo para que você não tenha que fazer hora-extra também é economizar.

5. Seja Reconhecido como um "Expert" em um Tarefa Específica

Você já notou como as empresas têm seu "Garoto do Excel", "Garoto do TI", ou do "Facebook Ads"? Às vezes a sua especialidade não é a atividade principal da empresa, mas eles certamente vão te procurar quando precisarem de ajuda em uma tarefa pela qual você é conhecido.

Ser expert em uma tarefa pode aumentar a sua contribuição para a empresa, ainda mais se você também ajudar outros colegas com seus trabalhos. Se você ajudar essas outras pessoas, eles vão falar de você e que suas contribuições não estão limitadas ao seu próprio trabalho - mas sim que elas se estendem aos vários outros empregados que você também assiste.

Por exemplo, como redator residente da empresa, suas habilidades de escrita podem ajudar o departamento de RH a escrever anúncios de emprego melhores - ou à equipe de administração a escrever memorandos mais claros e envolventes. Ajudar os funcionários de outros departamentos também constrói sua rede, então você pode contar com eles quando você precisar de ajuda no futuro.

Exemplos de habilidades que você pode aprender para ser útil em diferentes áreas:

  • Excel pode te ajudar com praticamente tudo - desde construir um sistema de faturamento a escrever um sistema de inventário customizados para os produtos.
  • Photoshop pode ajudar o seu empregador a elaborar folhetos e materiais de marketing melhor acabados.
  • Design de website é ótimo para pessoas que trabalham em pequenas empresas que não tem fundos suficientes para atender à essa demanda (ou contratar um desenvolvedor em tempo integral). Você não precisa aprender a programar para criar um site bonito.
  • Mídia social - não deixe seu empregador ficar pra trás no que se diz respeito às redes sociais. Crie contas online para a empresa, se elas já não existirem  - ou ofereça para o seu chefe uma estratégia de mídia social, se a abordagem atual não está entregando bons resultados.

Precisa de ajuda com algumas dessas habilidades listadas acima? Confira os nossos tutoriais:

6. Reduza o Estresse e a Carga de Trabalho do Seu Gerente

Você não está fazendo isso para ser o queridinho do seu chefe. Você está fazendo isso porque você quer fazer parte de projeto maiores; assim, mostrar que você é capaz de lidar com mais tarefas, é uma das formas que você tem para mostrar que está pronto para assumir tal responsabilidade.

Se voluntarie para fazer mais coisas, principalmente aquelas que estão de acordo com o seu nível de habilidades e que vão contribuir, de alguma forma, para a empresa.

Por quê? Porque isso libera seu gerente para assumir tarefas de mais alto nível -  que ele não conseguiria por estar ocupado com coisas menos importantes (mas urgentes). Às vezes essas tarefas incluem preencher a papelada, folha de pagamento, etc. Outras vezes pode ser um pouco mais complicado, como pesquisar informações para uma apresentação que deve ser finalizada dentro de uma semana. Seja o que for, seu chefe irá te apreciar por aliviar sua carga de trabalho.

Essas boas ações virão a calhar quando sua revisão anual de desempenho vier.

7. Solucione Problemas

Ninguém gosta de chorões. É fácil criticar um novo produto ou serviço; e ainda mais fácil se queixar sobre protocolos que existem no trabalho. Apenas alguns funcionários, no entanto, vão usar o seu tempo para descobrir o que pode ser feito para melhorar a situação.

Da próxima vez que você encontrar um problema, gaste um tempo pesquisando duas ou três possíveis soluções; em seguida, crie um plano de ação detalhado para cada uma dessas soluções - então, apresente-as ao seu chefe. Você vai ganhar o respeito do seu gerente e resolver um problema para sua equipe, mesmo se somente uma das suas ideias funcionar

Se isso acontecer muitas vezes, você vai ser visto como o solucionador de problemas do grupo e logo seu chefe vai querer sua opinião para ajudá-lo em projetos ainda maiores.

5 Exemplos de Como Adicionar Valor à Empresa estando em Diferentes Trabalhos

1. Consultores e Profissionais de TI

Empresas de consultoria e TI têm, frequentemente, muita documentação para lidar por causo dos diversos projetos com os quais eles trabalham. Mesmo documentação de projetos concluídos há um ano são mantidos, em caso de problemas ocorrerem - ou no caso de continuarem a trabalhar nele em um momento futuro. Às vezes, entretanto, um procedimento é atualizado, mas a documentação não.

Toda esse volume de informação faz com que seja difícil, para novos funcionários, encontrar o que eles precisam. Para evitar isso, você pode criar uma "lista mestre" de documentação de um produto, cliente ou tarefa específica. Você não tem que apontar todas as informações nessa lista. Basta escrever uma breve descrição para cada procedimento e incluir o link para onde a documentação se encontra.

Mesmo se sua empresa não tem muita documentação, você ainda pode adicionar valor ao manter projetos, notas de reunião, guias de produtos e tarefas organizadas com a ajuda das seguintes ferramentas:

  • Slack - mantem a comunicação de todo o seu time em um único local.
  • Zipline - centraliza a documentação e controla a lista de tarefas a serem realizadas para um negócio de revenda.
  • Trello - a ferramenta perfeita se você usa o método Kanban.
  • PracticePanther - um software de gestão específico para advogados, onde eles podem ver os casos em andamento, cobrar clientes, e delegar tarefas (através de uma rede segura). 
  • Basecamp - centraliza dos os projetos do seu time, além das conversas, listas de afazeres, prazos e arquivos.

2. Escritores e Criativos

Belinda Weaver do Copywrite Matters sugere o uso de documento de descrição para cada projeto. É um template que contém tudo que seu cliente pode precisar, e é pensado para fazer com o que o seu material se torne fácil de ser lido, revisado e implementado. Ele, além disso, pode te fazer parecer mais profissional.

O que é normalmente incluído nesse tipo de documento:

  • O nome do cliente
  • O nome do projeto, o item específico (exemplo: Website Copy, Página Inicial)
  • O contato pessoal
  • Data de submissão e número da versão (exemplo: 10/01/17 v1)
  • Notas
  • Instrução de revisão
  • A cópia atual

Como escritor, empresas o contratam por suas habilidades de contar histórias e, às vezes, uma frase pode parecer muito simples - mesmo que você tenha levado dias para escrevê-la. Use a seção de notas para explicar seu raciocínio, e para lembrar os clientes do valor do seu trabalho.

Outro problema que esse tipo de documento solucionar é o processo de feedback. Alguns clientes falam, somente, "eu não gostei disso", mas não se incomodam em dizer o porquê. Para um escritor, ou qualquer tipo de profissional criativo, esse tipo de feedback não ajuda muito.

Você tem que dar ao seu cliente uma estrutura de feedback. As perguntas abaixo podem ajudar seus clientes a articular o que exatamente eles não gostaram naquilo que você produziu. Elas também ajudam o seu cliente a entender que o processo de escrita é uma via de mão dupla, nesse caso, e que os feedbacks são importantes.

Esse documento pode ser adaptados para vários tipo de trabalhos criativos, como edição de vídeo ou design gráfico, por exemplo. Além disso, ao invés de incluir essa lista de revisão no próprio arquivo que você está produzindo, você pode anexá-lo ao e-mail (ou submetê-lo como um arquivo/informação separada).

Exemplo de estrutura de feedback para designers:

  • Como está o esquema de cores?
  • Como estão os tamanhos de imagem? As imagens têm o foco que elas deveriam ter, ou existem outros elementos de distração?
  • Os benefícios do produto estão sendo mostrados claramente?

3. Empregados de Serviço na Linha de Frente

Esse exemplo se aplica para qualquer empregado que trabalha com interação direta com o cliente final, como em revenda, viagem, e venda de comida.

"Criar a experiência certa" ou ambiência, como algumas pessoas gostam de dizer, não é fácil. Não é tão simples quanto escolher uma música. Você tem que entender o seu cliente.

No livro The Shopping Revelation, a professora Barbara Khan, da Universidade da Pensilvânia, cita Costco e TJ Maxx, dois revendedores que criaram uma experiência única de compra e que seus clientes adoraram.

Para capitalizar sobre esse desejo, TJ Maxx e Costco criaram um experiência de "caça ao tesouro" em suas lojas, onde os clientes tinham que visitar frequentemente os estabelecimentos porque as ofertas mudavam rapidamente. Assim, os clientes tinham pra si a meta de conseguir aquela determinada oferta antes que o produto se esgotasse ou a oferta mudasse novamente.

Pode ser que você não esteja, agora, nessa mesma posição, mas como um empregado da linha de frente, você pode sugerir uma versão em escala reduzida dessa ideia para sua gestão. Na realidade, a estratégia acima é apenas uma versão mais luxuosa do "ganhe um brinde na compra de X" ou "50% de X, enquanto durarem os estoques" que muitas lojas e restaurantes utilizam.

4. Vendedores Profissionais

A pesquisa de 2017, da National Retail Federation, mostrou que mais de um terço dos compradores admitem que seus alardes de final de semana são causados por ofertas promocionais.

Um jeito de tirar vantagem disso é dizer as consumidores sobre as ofertas que estão por vir, para que eles, então, voltem naquelas datas.

Enquanto vendedor, você constrói a lealdade do cliente ajudando-os a obter o maior valor para o dinheiro que eles têm. Acredite ou não, isso inclui lhes dizer se um item que eles gostam vai estar em oferta na próxima semana (para que eles possam, então, esperar para comprá-lo em um segundo momento), ao invés de pagar o preço cheio agora. A loja pode perder alguns dólares agora, mas você vai ganhar isso de volta, uma vez que o cliente informa seus amigos sobre a venda e continua a fazer compras em sua loja - já que ele sabe que você não vai roubá-lo.

5. Engenheiros de Software

Escreva códigos modulares e fáceis de manter. Não deixe o seu código se tornar algo complicado. Ian Peter Campbell, engenheiro de software, postou essa resposta para uma pergunta no Quora sobre como os engenheiros podem adicionar valor às empresas.

"Quanto mais você for capaz de aproveitar trechos de código em outros lugares ou ferramentas, ou for capaz de substituir trechos antigos de códigos por soluções mais modernas, mais valor você vai estar adicionando à sua empresa."

Códigos complexos, ele adiciona, não vão ajudar o próximo engenheiro a trabalhar no seu programa. Seu código pode acabar fazendo com a empresa gaste muito tempo e dinheiro na tarefa de descobrir como ele funciona.

Seu Emprego é uma Relação Comercial

Como um empregado, você é um prestador de serviços e o seu empregador é o seu cliente. Prestadores de serviços de sucesso procuram, continuamente, por maneiras de adicionar valor para seus clientes. Eles tentam vender produtos mais sofisticados, realizar vendas de itens de potencial interesse por parte de quem os está adquirindo, e adicionar valor em qualquer lugar que eles puderem; o que significa que eles saem da sua zona de conforto para assumir mais responsabilidades, porque eles sabem que é a melhor maneira de manter um cliente.

Se você quer ser promovido, conseguir um aumento, ou mesmo um novo projeto que vai melhorar seu currículo, você tem que se esforçar para que isso aconteça. Comece a aprender a agregar valor à sua empresa hoje.

Advertisement
Advertisement
Advertisement
Advertisement
Looking for something to help kick start your next project?
Envato Market has a range of items for sale to help get you started.